segunda-feira, 25 de maio de 2015

Não pare!

Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus. (Filipenses 3:14)
A distância entre você e seu objetivo deve ser percorrida até o fim.
Se chegar até um determinado ponto e não seguir em frente, de nada servirá seu esforço até aquele momento. Isso tanto nos objetivos terrenos quanto espirituais.
Imprevistos ou obstáculos não podem paralisá-lo, ou não alcançará o que almeja.
Quando você deseja algo é imprescindível que foque sua visão no alvo e persevere até alcançar. Se por algum momento desanimar e desistir, todo empenho anterior não terá servido para nada.
O percurso pode até ser árduo, mas vai valer a pena. Lembre-se de que seu esforço sempre estará relacionado a quanto esse objetivo é importante para você. Aquilo que se conquista com muito esforço geralmente tem mais valor.
Existe um ditado muito usado nesses dias que diz: Não crie expectativas, ser surpreendido é melhor do que ser decepcionado. Mas você já parou para pensar como seria triste não esperar que coisas boas aconteçam?
É importante acreditar no bem, nas boas atitudes, no amor, porém se receber o contrário de todas essas coisas, você não deve se perder em meio aos acontecimentos.
Não permita que suas expectativas tenham controle sobre sua vida, seu humor, conduta, caráter ou atitudes. Espere o bem, mas se ele não vier, faça-o aos outros.
Não permita que a expectativa frustrada lhe torne uma pessoa amargurada ou que roube sua fé. Como citou C.H. Spurgeon:" Os santos resistem a todo desalento, crendo que todas as coisas cooperam para o seu bem, e que, entre todas as coisas aparentemente ruins afinal florescerá uma verdadeira bênção - que, ou seu Deus operará um rápido livramento, ou, com toda certeza, os sustentará na provação, enquanto assim Lhe aprouver."
 Não pare! Falta pouco para seu milagre acontecer, lembre-se de tudo que passou até chegar aqui, renove suas forças e persevere.
Deus está no controle e você é filho DELE, portanto, nasceu pra vencer. Não pare de acreditar, pois o Deus que foi suficiente até agora, o será até o fim. Deus abençoe sua vida!
 

terça-feira, 19 de maio de 2015

Fortaleça suas raízes!

Você foi gerado através da perfeita vontade de Deus. Sua existência foi intensamente desejada e planejada por ELE. Deus plantou a semente da vida no coração do homem.
Um cristão só entende a grandeza do que recebeu, se o próprio Deus abrir seu coração para que compreenda. Por sua agradável vontade formou todas as coisas e com todo o amor que possui, criou você.
Você precisa de Deus, pois o sopro de vida veio DELE. Quem melhor para entender e cuidar de algo do que aquele que o criou? ELE é capaz de suprir todas as suas necessidades.
Entenda que sua capacidade, força, destreza, coragem, confiança, dentre tantos outros atributos provém DELE.
Charles H.Spurgeon em um de seus sermões, faz uma analogia entre o cristão e o cedro do Líbano. Ele menciona que o cedro foi criado pela poderosa mão de Deus a qual também o tornou resistente, pois subsiste entre as altas rochas sem necessidade de que homem algum o regue, pois o próprio Deus supre as suas necessidades. De igual maneira, Deus provê força e sustento a todo que NEle confia.
O cristão, por diversas vezes precisa viver pela fé. Permanecer na total dependência do Senhor, sem colocar sua confiança “nos meios”, mas unicamente em Deus.
“O orvalho do céu é a sua porção e Deus o seu manancial.” C.H.Spurgeon
Deus tornou o cedro resistente às tempestades e ventos que tentaram derrubá-lo através da exposição, para que suas raízes se fortalecessem. Da mesma maneira, Deus instrui e protege você.  ELE lhe orienta, preserva sua vida e tudo aquilo que realmente tem valor. NELE você está bem guardado, não como uma planta criada em estufa, isolada e fora do seu verdadeiro meio, mas exposto,  para que demonstre firmeza e resiliência, afim de que seja visto fazendo a diferença. Você é mais forte do que pensa e pode suportar muito além do que imagina. Sempre que se fizer necessário, Deus o protegerá debaixo de suas maravilhosas asas.
Porque será como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano de sequidão não se afadiga, nem deixa de dar fruto. (Jeremias 17:8)
O Senhor deve ser o refúgio de todo cristão. Pois Ele verdadeiramente cuida dos seus.
Deus abençoe sua vida!






segunda-feira, 11 de maio de 2015

Aproveite as oportunidades!

Tudo o que te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças" (Eclesiastes 9:10)

Você é capaz, lembre-se disso! Se foi incumbido de fazer algo, é porque lhe foi concedida uma oportunidade e junto a ela, a um depósito de confiança que será realizado. Você já parou para pensar em quantos planos guardou em seu coração e não os concretizou? Deus lhe fornece a oportunidade de lutar por eles. Não se contente apenas em falar de seus sonhos, mas corra atrás deles até que se realizem.
De igual maneira, quando estiver ao seu alcance abençoar seu próximo. Faça-o! Ofereça aos outros aquilo que tem de melhor.
Como citou C.H.Spurgeon: “Uma boa ação é mais valiosa do que mil teorias brilhantes.
Não espere grandes oportunidades para agir, e sim comece pelas pequenas coisas. Não menospreze os pequenos começos, pois eles conduzirão você até os grandes.
Você tem o hoje, não o desperdice esperando algo grandioso acontecer para começar a viver. Não esqueça que o ontem já se foi, o amanhã ainda não chegou e nem se sabe ao certo se chegará.
Portanto empenhe-se no hoje, trabalhe, sonhe, realize conforme suas forças!
Pense em quantas coisas realizará, se a cada dia cumprir sua tarefa. Entregue-se de coração ao que faz, faça-o com amor. O amor sempre faz tudo frutificar e crescer.
Que você seja capaz de produzir frutos que permaneçam. E que eles cresçam como a árvore que hoje é uma simples semente e amanhã está carregada de alimento capaz de saciar outras pessoas.
Spurgeon também aconselha que “Sirvamos a Deus agora, mas tomemos cuidado com a forma como estamos realizando o que encontramos para fazer - "façamo-lo conforme as nossas forças". Façamo-lo prontamente; não desperdicemos nossa vida pensando que no que pretendemos fazer amanhã, como se isso pudesse compensar a inatividade de hoje. E, sobretudo, qualquer coisa que fizermos para Cristo, dediquemo-nos a ela com toda a nossa alma. Não demos a Cristo um pequeno trabalho depreciável, feito de maneira natural de vez em quando; mas, quando o servirmos, façamo-lo com todo o coração, com toda a alma e com todas as forças.
Lembrando sempre que a força do cristão não está em si mesmo, pois ele é fraco. Sua força repousa no Senhor dos Exércitos. Então procuremos sua ajuda; continuemos com oração e fé, e, quando tivermos feito o que nossa mão tem para fazer, esperemos no Senhor por Sua bênção. O que fizemos assim será bem-feito, e não falhará em seus resultados.


Deus abençoe sua vida!