terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

O ponto negro

O dia pode ser repleto de acontecimentos, alguns bons e outros ruins. O que tornará ele alegre ou não, vai depender sobre qual deles concentrará sua atenção.
Você para e pensa nos livramentos que recebeu, nas inúmeras coisas legais que aconteceram durante seu dia, ou mantém sua mente naquilo que não foi bom?
Quando seus olhos estão focados no problema, você não percebe o bem que lhe cerca e os inúmeros motivos que tem para ser grato, pois não consegue lembrar de todo o bem que já lhe sobreveio.
O salmista escreveu no Salmos 103: 2: “Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum de seus benefícios”.
Não se esqueça do bem que o Senhor tem feito em sua vida. Tire seus olhos dos problemas e veja o quanto já recebeu. Quero deixar abaixo uma ilustração e espero que o Espírito Santo de Deus a use para modificar sua mente e ampliar sua visão.

O ponto negro
Certo dia, um professor chegou na sala de aula e disse aos alunos
para se prepararem para uma prova relâmpago.
O professor foi entregando, então, a folha da prova com a parte do
texto virada para baixo, como era de costume.
Depois que todos receberam, pediu que desvirassem a folha e para surpresa de todos, não havia uma só pergunta ou texto, apenas um
ponto negro, no meio da folha.
O professor, analisando a expressão de surpresa que todos faziam,
disse o seguinte:
- Agora, vocês vão escrever um texto sobre o que estão vendo.
Todos os alunos, confusos, começaram, então, a difícil e inexplicável tarefa.
Terminado o tempo, o mestre recolheu as folhas, colocou-se na frente
da turma e começou a ler as redações em voz alta.
Todas, sem exceção, definiram o ponto negro, tentando dar explicações por sua presença no centro da folha.

Terminada a leitura, a sala em silêncio, o professor então começou a explicar:
 - Esse teste apenas serve de lição para todos nós. Ninguém na sala falou sobre a folha em branco, mas todos centralizaram suas atenções no ponto negro. Assim acontece em nossas vida. Temos uma folha em branco inteira para observar e aproveitar, mas sempre nos centralizamos nos pontos negros. A vida é um presente de Deus dado a cada um de nós, com extremo carinho e cuidado.
Temos motivos para comemorar sempre, seja pela natureza que se renova, pelos amigos que se fazem presentes, o emprego que nos dá o sustento e principalmente pelos milagres que diariamente presenciamos. No entanto, insistimos em olhar apenas para o ponto negro!
O problema de saúde que nos preocupa, a falta de dinheiro, o
relacionamento difícil com um familiar, a decepção com um amigo.
Os pontos negros são mínimos em comparação com tudo aquilo que recebemos diariamente, mas são eles que povoam nossa mente.
Pense nisso!
Tire os olhos dos pontos negros de sua vida.
Aproveite cada bênção, cada momento que Deus lhe dá. Creia: o
choro pode durar até o anoitecer, mas a alegria logo vem no amanhecer.
Tenha essa certeza, tranquilize-se, agradeçã pelas bênçãos recebidas e seja muito feliz!

(Autor desconhecido)

Deus abençoe sua vida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário